terça-feira, 24 de setembro de 2013

SteamOS: o começo do fim da Microsoft! De novo!


A Valve anunciou ontem o SteamOS, baseado em Linux, seu sistema operacional gratuito voltado exclusivamente para jogos!
“Criadores de conteúdo podem se conectar diretamente com seus clientes. Usuários podem trocar ou alterar qualquer parte do software ou hardware que desejarem. Jogadores terão a capacidade de unir forças no desenvolvimento dos jogos que amam. SteamOS continuará evoluindo, porém sempre será um ambiente destinado a estimular estas formas de inovação”
Com isso cai o último bastião do Windows: os jogos para PC!
O LibreOffice/OpenOffice já vem minando a mina de ouro (referências mais do que obrigatórias ao Campo Minado do Windows!) da Microsoft há muito tempo, o MS-Office!
Além disso, iOS (baseado em BSD/UNIX) e, principalmente, o Android (com kernel Linux!), inviabilizaram todas as tentativas da MS de entrar no cada vez mais dominante mundo móvel. E olha que o trabalho com o Windows Phone foi competente e muito bom!
Sempre costumo dizer que a MS é um dinossauro digital que, assim como alguns desses gigantes extintos, demora para processar a informação de que já está morta!
Contudo, justamente pelo seu gigantismo, ela, historicamente, tem conseguido superar seus concorrentes mesmo tendo ignorado as tendências tecnológicas. Foi assim com a Internet e os navegadores, o caso mais famoso de recuperação de hegemonia de liderança que ela enfrentou. Isso nos lembra que o Chrome do Google, baseado num motor livre, superou o Internet Explorer, mas graças ao combativo Firefox, fruto do Mozilla, que por sua vez veio do Netscape, o derrotado na chamada I Guerra dos Navegadores.
Agora, entretanto, são muitos e diversos concorrentes: Google, Apple, Samsung, Steam, Ubuntu, LibreOffice/OpenOffice. E não numa guerra aberta, como na década de 1990, mas sim em várias batalhas no melhor estilo de guerrilha!
Ainda há tempo para uma virada de mesa?!
Bem, a MS salvou a Nokia da "plataforma em chamas" com sua recente aquisição. Mas será que ela conseguirá salvar a si mesma?!
Essa nem o Google sabem! Já a NSA...!

Nenhum comentário: